178 anos de nascimento de São Cícero do Juazeiro, o santo dos brasileiros



Há 178 anos, aos 24 de março de 1844, nascia Cícero Romão Batista na cidade do Crato – CE. Filho de Joaquim Romão Batista e Joaquina Vicência Romana, conhecida como dona Quinô.

Cícero Romão Batista teve uma vida dedicada ao serviço de Deus e da igreja. Recebeu um chamado do Senhor e, como padre, passou a servir ao povo do distrito de Juazeiro do Norte no Ceará. O trabalho foi crescendo e aderindo novas pessoas para o seu ministério pastoral, e padre Cícero exerceu grande liderança naquela pequena comunidade.

Em março de 1889, um acontecimento transformou a vida do religioso e da cidade de Juazeiro do Norte. Durante a missa, ao distribuir a Comunhão, na capela de Nossa Senhora das Dores, a hóstia se transformou em sangue na boca da fiel Maria de Araújo. O fato voltou a acontecer outras vezes em público e, logo, a notícia do milagre se espalhou na cidade do Juazeiro, que passou a receber peregrinos de vários lugares (PINTO, 2022).

O caso foi investigado pela Igreja Católica Apostólica Romana que não reconheceu o fato como um milagre. Com essa decisão, Padre Cícero foi suspenso de ordem e impedido de realizar qualquer celebração pastoral.

Padre Cícero, durante toda a vida, tentou revogar a pena recebida. Até conseguiu uma vitória em Roma em 1898, mas, o bispo não voltou atrás de sua decisão e o padre permaneceu afastado de suas atividades pastorais (CRUZ TERRA SANTA, 2022).

Anos mais tarde, com a criação da Igreja Católica Apostólica Brasileira – ICAB, em 1945, o fato acontecido com a Beata Maria de Araújo volta a ser estudado pelo primeiro bispo diocesano de Maceió-AL, Dom Wanillo Galvão Barros, que já observava a devoção do povo nordestino a este santo homem. A partir das pesquisas realizadas por Dom Wanillo, Padre Cícero ganhou cada vez mais espaço e a ideia de sua canonização foi fortalecida pelos grandes milagres por ele realizados.

Em 06 de julho de 1973, Padre Cícero foi canonizado pela ICAB. Por isso, nós católicos brasileiros e fiéis devotos de São Cícero do Juazeiro, crendo na validade da confirmação feita por nossos bispos, e por todo o povo de Deus, comemoramos sua festa desde antes de 1973.

A Festa em honra a São Cícero do Juazeiro é celebrada na ICAB em 20 de julho, dia em que o Santo dos brasileiros foi morar no céu com o nosso Pai criador, de onde intercede por seus romeiros e devotos.

Em Maceió - AL, o nosso segundo bispo diocesano, Dom Rommel Coelho Galvão Barros, juntamente com os fiéis devotos e romeiros de São Cícero, continua a devoção ao santo dos brasileiros, na primeira Igreja do mundo (Catedral) dedicada a São Cícero do Juazeiro, situada no bairro do Feitosa.

No Piauí, sob a responsabilidade da diocese de Viana - MA, há uma igreja dedicada a São Cícero do Juazeiro,na cidade de Coivaras-PI,tendo como vigário Padre Jocimar, o Vigário Padre Carlos Gonzaga de Sousa Leal está à frente da Paróquia São Cícero do Juazeiro, onde com os devotos e romeiros, também festejam o nosso glorioso santo no bairro Louzinho Monteiro, Picos-PI.


Em Gravatá - PE, o Padre Sandro Alves também festeja, juntamente com aquela comunidade sertaneja, o Santo dos nordestinos, São Cícero do Juazeiro.


São Cícero do Juazeiro, rogai por nós e pelo mundo inteiro.


Fontes:

PINTO, Flávio. Nordeste festeja 178 anos de nascimento do Padre Cicero, seu santo popular. 2022. Disponível em: https://www.flaviopintonews.com.br/2022/03/nordeste-festeja-178-anos-de-nascimento.html. Acesso em: 24 mer. 2022.


Cruz Terra Santa. História de Padre Cícero. 2022. Disponível em: https://cruzterrasanta.com.br/historia-de-padre-cicero/51/102/. Acesso em: 24 mar. 2022.


37 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo